Reguladores de crescimento na propagação <i>in vitro</i> de abacaxizeiro ornamental

Autores

  • Márcia M. Dias Universidade Estadual de Montes Claros
  • Moacir Pasqual Universidade Federal de Lavras, Departamento de Agricultura, Departamento de Agricultura
  • Aparecida G. Araújo Sergipe Parque Tecnológico
  • Verônica A. dos Santos Universidade Federal de Lavras, Departamento de Agricultura, Departamento de Agricultura

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v6i3a818

Palavras-chave:

ANA, Ananas comosus, BAP, Bromeliaceae, cultivo in vitro

Resumo

O abacaxizeiro ornamental Ananas comosus (L.) Merr. var. ananassoides (Baker) Coppens & F. Leal., pertence à família Bromeliaceae e destaca-se pelo potencial ornamental ainda pouco explorado economicamente. A propagação de plantas in vitro possibilita elevada produção de mudas com qualidade fitossanitária. O objetivo do trabalho foi avaliar as diferentes concentrações de 6-benzilaminopurina (BAP) e ácido naftaleno acético (ANA) na propagação in vitro de Ananas comosus var. ananassoides. O delineamento utilizado foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4x4, constituído de quatro concentrações de BAP (0; 0,5; 1,0 e 2,0 mg L-1) e quatro concentrações ANA (0; 0,25; 0,5 e 1,0 mg L-1). Concluiu-se que a adição de 1,0 mg L-1 de BAP promoveu um maior número de brotações. O maior comprimento médio das brotações foi obtido na ausência de BAP e o maior número de raízes, na ausência de BAP e com 0,25 mg L-1 de ANA.

Biografia do Autor

Verônica A. dos Santos, Universidade Federal de Lavras, Departamento de Agricultura, Departamento de Agricultura

 

 

 

Downloads

Publicado

2022-03-14

Edição

Seção

Agronomia