Impacto da correção atmosférica de imagens AVHRR/NOAA-17 no cálculo do índice de vegetação NDVI

Autores

  • Cristina R. Nascimento Universidade Estadual de Campinas
  • Jurandir Zullo Júnior Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v5i2a530

Palavras-chave:

efeitos atmosféricos, SCORADIS, MODIS

Resumo

Para obter a refletância real da superfície, nas bandas 1 e 2 do sensor AVHRR, foi realizada a correção atmosférica, baseada na entrada dos parâmetros atmosféricos fornecidos pelo sensor MODIS/Terra. A utilização de dados do MODIS está diretamente relacionada à obtenção das informações, necessárias para a correção atmosférica, considerando-se a variabilidade dos parâmetros no tempo e no espaço. Utilizando-se o aplicativo SCORADIS, baseado no modelo de transferência radiativa 5S, foi proposta uma adaptação que possibilitasse a entrada das imagens correspondentes aos planos atmosféricos, através da utilização de metodologias distintas de correção atmosférica. As análises indicaram que as correções apresentaram resultados coerentes com eliminação dos efeitos de espalhamento e de absorção atmosférica. Foi avaliada a magnitude desses efeitos sobre o índice de vegetação NDVI, muito utilizado em estudos agrometeorológicos. A diferença percentual entre as imagens com e sem correção chegou a ser de aproximadamente 60 a 80% para as datas analisadas, ressaltando a importância da correção atmosférica dessas imagens.

Biografia do Autor

Jurandir Zullo Júnior, Universidade Estadual de Campinas

 

 

Downloads

Publicado

2022-03-16

Edição

Seção

Engenharia Agrícola