Propriedades de painéis aglomerados constituídos por partículas de bagaço de cana-de-açúcar

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v16i1a8783

Palavras-chave:

compósitos, perfil de densidade, estabilidade dimensional, resíduos

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar as propriedades físico-mecânicas e o perfil de densidade de painéis produzidos com partículas de bagaço de cana-de-açúcar com dois tamanhos (0.50 e 0.85 mm) e com pré-tratamento (partículas tratadas em água quente a 70 °C por duas horas) e sem pré-tratamento. A densidade nominal dos painéis foi 0.65 g cm-3. Os parâmetros do ciclo foram 35 kgf cm-2 de pressão, temperatura de 180 °C e 10 min de prensagem. Os testes físicos e mecânicos foram realizados de acordo com as designações da NBR 14810-2006. O perfil de densidade dos painéis de partículas foi obtido por densitometria de raio-X. A absorção de água em duas horas foi maior nos painéis produzidos com partículas tratadas em água quente. As demais propriedades físicas e mecânicas não foram influenciadas pelos fatores avaliados. A densidade aparente variou ao longo da espessura dos painéis, com picos mais pronunciados nas camadas externas, apresentando assim um gradiente vertical de densidade dentro da normalidade para este tipo de painel. As propriedades fisicas e mecânicas não atenderam aos requisitos mínimos da NBR 14810 (2006) para painéis não estruturais para uso interno em condições secas (Tipo P2).

Downloads

Publicado

2021-03-25

Edição

Seção

Ciências Florestais