Qualidade de sementes de soja sob aplicação de herbicidas ou reguladores de crescimento

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5039/agraria.v16i1a8322

Palavras-chave:

Glycine max L., qualidade fisiológica, viabilidade, vigor

Resumo

A aplicação de produtos químicos à planta-mãe pode interferir na qualidade da semente, prejudicando ou melhoramento suas características, de forma que para analisar se houve interferência na semente, são realizados teste de germinação e vigor. Objetivou-se avaliar a qualidade das sementes de soja submetidas a aplicação de herbicidas em pré e pós-emergência e reguladores de crescimento em pós-emergência. No experimento 1 foram aplicados herbicidas em préemergência da soja, com semeadura no mesmo dia da aplicação, enquanto no experimento 2 foram aplicados herbicidas e reguladores de crescimento em pós-emergência da soja (V4). As sementes foram colhidas e submetidas a determinação do grau umidade, massa de 1.000 sementes, testes de germinação, comprimento de plântula, tetrazólio e condutividade elétrica. Os herbicidas e reguladores de crescimentos não afetam negativamente a qualidade das sementes de soja. A aplicação de flumioxazin ou mepiquat chloride causou mínimo efeito na qualidade de sementes de soja, com pequenas reduções no vigor, sem efeito sobre a germinação.

Downloads

Publicado

2021-02-24

Edição

Seção

Agronomia